QUANDO PEDIR EMPRÉSTIMO É BENÉFICO?

QUANDO PEDIR EMPRÉSTIMO É BENÉFICO?

O empréstimo é uma modalidade que muitas pessoas recorrem para quitar dívidas ou comprar um bem. Ele pode ser oferecido por um banco ou instituição financeira e o dinheiro pode ajudar muito no orçamento. Porém, pedir um empréstimo exige organização e análise das melhores possibilidades, porque o dinheiro vai ser devolvido para a organização com correções.

Continue a leitura do Blog Recovery, esclareça todas as dúvidas sobre o tema e entenda quando pedir um empréstimo é benéfico.

TIPOS DE EMPRÉSTIMO

Diversos são os tipos de empréstimos disponibilizados pelas instituições financeiras, cada um tem a sua condição e um público específico. Confira quais são os tipos de empréstimos disponíveis:

  • Empréstimo pessoal: nessa modalidade a pessoa física faz um contrato diretamente com a instituição financeira com o valor acordado.
  • Empréstimo pessoal com garantia: funciona da mesma forma que o empréstimo pessoal, mas o contratante deixa algum bem como garantia para instituição financeira.
  • Empréstimo consignado: nessa modalidade, as parcelas do empréstimo são descontadas da folha de pagamento ou da aposentadoria do contratante.
  • Cheque especial: essa modalidade é um limite pré-aprovado que o cliente pode utilizar quando o limite da conta-corrente for excedido.
  • Financiamento: no financiamento o uso do dinheiro é acordado entre a instituição financeira e o contratante, o dinheiro só pode ser usado para um fim específico que é definido no acordo.

Saiba quando é benéfico pedir um empréstimo

EMPRÉSTIMO VALE A PENA?

O empréstimo pode dar um grande alívio financeiro, com o dinheiro é possível concretizar diversos planos. Porém, antes de pedir um empréstimo, é preciso pensar bem e planejar como vai acontecer o pagamento, para que não se torne uma bola de neve. Isso acontece porque o valor a ser pago será maior do que o valor que foi emprestado,  por conta dos juros e correções. Por essa razão, é importante pesquisar e encontrar as melhores condições para sua situação financeira.

O empréstimo vale a pena quando usado para quitar dívidas ou renegociações. Além disso, ele pode ser usado também para comprar bens como carros e imóveis, e até fazer intercâmbio ou aquela viagem dos sonhos. Entenda qual a sua situação e como você pode lidar com as parcelas após o empréstimo, dessa forma você encontrará a melhor quantia para pedir emprestado.

Ao contratar um empréstimo é importante levar em consideração o CET (Custo Efetivo Total) da transação. Esse dado calcula o valor total do empréstimo, contabilizando o valor, taxas e tributos. Com isso, é possível escolher o melhor empréstimo para você

Analise todas as opções para encontrar o melhor empréstimo

PEDIR EMPRÉSTIMO PARA PAGAR DÍVIDA

Ter uma grande quantidade de dívidas pode ser prejudicial para realizar qualquer ação, com os juros altos quanto mais o tempo passar maior é a dívida. Nesse caso, pedir um empréstimo para pagar dívidas pode ser a solução.

Antes de tudo, é preciso fazer cálculos e entender quais as quantias das parcelas do empréstimo e as taxas para chegar na melhor opção para você. Encontre as menores taxas e, se for o caso, pegue apenas parte do valor da dívida para amenizar um pouco.

Antes de pedir o empréstimo, entre em contato com o credor e tente renegociar a dívida. Dessa maneira o valor pode ser diminuído o que também implica em menos quantia para solicitar o empréstimo.

COMO FAZER UM EMPRÉSTIMO?

Fazer um empréstimo é muito simples e rápido. Se depois de analisar todos os termos e condições você encontrou o empréstimo perfeito para você, agora chegou o momento de entrar em contato com a instituição financeira. Isso pode ser feito presencialmente ou através da internet.

Para fazer o pedido tenha em mãos os documentos solicitados pela instituição e faça o pedido. A próxima etapa é a análise de crédito, momento em que a instituição financeira verifica quanto de crédito ela vai disponibilizar para você. Depois da aprovação basta assinar o acordo.

DIFERENÇA ENTRE EMPRÉSTIMO E FINANCIAMENTO

Essas duas modalidades são bastante utilizadas e ambas são feitas com bancos e instituições financeiras. Mas entenda quais são as principais diferenças entre um empréstimo e um financiamento.

O financiamento é o empréstimo de dinheiro para um fim específico acordado entre a instituição e o contratante. Geralmente os bens que estão no financiamento são imóveis e veículos, essa modalidade exige mais etapas na comprovação de renda para serem adquiridos.

No empréstimo, o dinheiro que foi pego emprestado pode ser usado para qualquer fim. A instituição financeira não questiona como o dinheiro vai ser utilizado. A burocracia para pedir um empréstimo também é menor, se comparada com o financiamento. Após o pedido, só existe a etapa de análise de crédito, depois que tudo está certo, o acordo pode ser finalizado.

Você também pode gostar