TED, DOC ou PIX: aprenda qual a diferença entre eles

Quem faz as  transferências bancárias sabe que existem três maneiras de transferir dinheiro entre as contas: TED, DOC ou PIX

O TED e o DOC já são velhos conhecidos, mas quem tem tomado a frente atualmente é o PIX, que entrou em vigor em novembro de 2021 e totalizou cerca de 1BI de transações no último mês (em fevereiro de 2022). 

Para ajudar você a entender o que é TED, DOC ou PIX, e qual a forma mais barata e rápida de transferir seu dinheiro, preparamos este artigo. Acompanhe! 

 

TED ou DOC ou PIX: afinal, o que significam?    

As siglas já se tornaram muito corriqueiras no dia a dia dos usuários dos bancos, mas, ainda assim, a maioria das pessoas não sabe o que significa cada um dos tipos de transferência. 

O TED quer dizer Transferência Eletrônica Disponível. Já o DOC é o Documento de Ordem de Crédito

A curiosidade fica mesmo por conta do PIX. Apesar de ser uma palavra com apenas três letras, PIX não é uma sigla e também não significa um conceito específico. O termo foi criado pelo Banco Central para designar o novo meio de pagamentos instantâneos no Brasil

Veja mais sobre os termos TED, DOC e PIX a seguir!   

  

Entenda o TED 

Na transferência via TED, o dinheiro cai na conta no mesmo dia. Contudo, a transferência deve ser feita até às 17h. Após esse horário, o valor só cai na conta no outro dia útil. 

Outro diferencial do TED é que ele permite a transferência de valores maiores que 5 mil reais. 

 

Saiba o que é DOC

O DOC também é uma das transferências mais conhecidas. No entanto, ela é mais lenta, se comparada às outras opções. 

Isso porque, você faz a transferência em um dia e a quantia pode demorar para cair na conta de quem vai receber, sendo feita apenas no dia útil seguinte. 

E isso se você não deixar pra fazer a operação depois das 21h59, ok? A partir desse horário, o valor só é transferido 2 dias depois

A vantagem desse tipo de transação é que, se você errar os dados do destinatário, o dinheiro volta para a sua conta automaticamente, mas é preciso ficar atento aos prazos e solicitar a retificação o mais rápido possível. 

 

Conheça o PIX 

O PIX é a principal novidade dos últimos anos no mercado financeiro, prometendo revolucionar a forma como se envia e recebe dinheiro no Brasil. 

O sistema foi criado pelo Banco Central (Bacen) e tem como objetivo fazer pagamentos instantâneos.  

Com o PIX é possível fazer transações, como transferências e pagamentos, 24h por dia, sete dias por semana, incluindo feriados. Além disso, o PIX é gratuito para pessoas físicas.  

O limite de transferência fica por conta dos bancos. Por medida de segurança, em todos eles, o limite padrão para transferência noturna é de R$1.000,00, mas você pode solicitar o ajuste desse valor. 

Para usar o serviço, o usuário precisa cadastrar uma ou mais chaves PIX no banco em que possui conta corrente. 

 

Quais as principais diferenças entre TED, DOC e PIX 

A diferença entre esses três sistemas de pagamento é bastante simples. 

No caso da transferência tipo TED, cai no mesmo dia. Para isso, a transação deve ser realizada antes das 17h. A vantagem do TED com relação ao DOC é que ele autoriza transferências maiores que R$5.000,00.  

Já no caso do DOC, o dinheiro cai no próximo dia útil e o valor máximo é de R$4.999,99 reais

Assim, ao comparar TED ou DOC, se você precisa transferir o dinheiro o mais rápido possível, use a funcionalidade TED. 

Caso não seja urgente e você possa aguardar, faça um DOC! 

Agora, se você deseja serviços mais rápidos e gratuitos para pessoas físicas, a solução mais indicada é usar o PIX, pois, como vimos, ele transfere o valor em até 10 segundos todos os dias da semana. 

Além disso, o PIX é gratuito para pessoas físicas. Para pessoas jurídicas, ou seja, empresas, o valor é fixado pelos bancos. Já o DOC e TED costumam possuir uma taxa para pessoas físicas e jurídicas, e esses valores dependem das tarifas fixadas por cada banco. 

 

Como podem ser feitas as transferências? 

Todas as transações de transferência ou pagamento podem ser feitas pela internet, nos caixas eletrônicos ou no próprio banco. 

No caso do PIX, como adiantamos, você precisará de um cadastro para  fazer as movimentações financeiras e você também vai precisar da chave PIX do destinatário, que pode ser uma das seguintes opções:

  • e-mail 
  • CPF 
  • CNPJ ou 
  • número de telefone. 

Com o PIX, ainda é possível pagar com QR code ou chave aleatória. 

No caso do TED ou DOC, é preciso informar mais dados para fazer as transferências. Confira! 

  • Código do banco 
  • Número da agência 
  • Número da conta 
  • CPF ou CNPJ 
  • Nome (se quem for receber for uma pessoa física) ou razão social (se for uma pessoa jurídica). 

Algumas instituições bancárias não deixam você fazer um DOC para uma conta poupança. Mas o TED é garantido! 

Viu qual a diferença entre TED ou DOC e PIX? Com essas dicas, você sabe que pode economizar usando o PIX, não é mesmo? Então, cadastre a chave no seu banco para aproveitar os benefícios! 

Conseguiu economizar com as suas contas e quer renegociar as suas dívidas com a Recovery?  Clique aqui e consulte grátis o seu CPF

Você também pode gostar
valor salario minimo 2022_recovery
O valor do salário mínimo em 2022 mudou, assim ... Leia mais ➜
Cartão de crédito para negativado: saiba se é possível fazer
Conseguir um cartão de crédito para negativado é possível ... Leia mais ➜