COMO SABER SE MEU NOME ESTÁ SUJO?

COMO SABER SE MEU NOME ESTÁ SUJO?

O que é popularmente conhecido como “nome sujo” significa que o CPF, ou seja, a identificação da pessoa física, está negativada. Isso acontece por conta do acúmulo de dívidas não pagas, o que gera a  inadimplência. Essa condição de inadimplente faz com que a pessoa seja reconhecida como má pagadora, o que dificulta fazer diversas operações como: financiamentos, empréstimos e cartões de crédito.

Continue a leitura do Blog Recovery para entender como conferir se o seu nome está sujo e o que acontece caso esteja. Saiba também quais medidas podem ser tomadas para limpar o nome e conseguir sair da inadimplência.

COMO O NOME FICA SUJO?

O nome fica sujo a partir do atraso de qualquer despesa, seja ela conta de água, luz, dívidas do cartão de crédito, aluguel entre outros. A inscrição do nome nos órgão de proteção de crédito não é automática, essa precisa ser feita pelo credor, que está autorizado a fazer o cadastro a partir do primeiro dia de atraso do pagamento.

Caso o nome do devedor seja cadastrado em algum desses órgãos de proteção ao crédito, esse deve ser notificado sobre a operação. Após a notificação, o devedor tem um prazo de 10 dias para quitar a dívida, se após esses 10 dias a dívida não for quitada o nome está oficialmente sujo.

Como saber se o meu nome está sujo

O QUE ACONTECE QUANDO O NOME FICA SUJO?

Com o nome sujo a pessoa fica impossibilitada de fazer algumas operações relacionadas ao dinheiro, isso acontece porque ao ter o nome negativado o mercado entende que a pessoa é uma má pagadora e isso impede a realização de algumas atividades. São elas: solicitar empréstimos bancários, fazer qualquer tipo de financiamento, abrir conta-corrente e solicitar cartões de crédito. Para quem já for correntista o banco pode bloquear a emissão de novos cheques e do cheque-especial.

Bancários não podem ter o nome sujo, caso isso aconteça pode gerar uma demissão. Essa condição vale apenas para bancários, nenhum outro empregador pode recusar contratar algum funcionário, ou demitir, por conta da inadimplência.

ONDE EU VEJO SE O MEU NOME ESTÁ SUJO?

Quando o nome de alguém está sujo significa que os dados das pessoas foram cadastrados em algum órgão de proteção de crédito. No Brasil existem 3 instituições de crédito principais, são elas: o Serasa administrado pela Serasa Experian, o Serviço Central de Proteção ao Crédito (SCPC) administrada pela Boa Vista Serviços e o Serviço de Proteção ao Crédito (SPC Brasil) administrado pela Câmara de Dirigentes Lojistas (CDL).

As três instituições possibilitam a consulta e o acesso pela internet. O Serasa e o SCPC permitem a verificação gratuita, enquanto o SPC Brasil exige o pagamento de uma taxa de R $9,90. Para consultar, basta acessar o site da instituição escolhida e acessar com o seu CPF, será informado as dívidas, em quais lugares as compras foram realizadas e o histórico de crédito.

Organização e planejamento ajudam a limpar o nome

O QUE FAZER PARA LIMPAR NOME SUJO?

Se após verificar os sites dos órgãos de proteção ao crédito você notar que tem dívidas atrasadas, significa que o seu nome está sujo. Para reverter essa situação e sair da inadimplência é preciso pagar as dívidas com os credores. Isso pode ser feito de duas formas: você pode escolher aquela que melhor se encaixa para você.

Ao pagar as dívidas é preciso negociar, isso vale tanto para dívidas com cartões de crédito, lojas e carnês. Nesse caso,  é preciso entrar em contato com o credor e renegociar a dívida. Isso garante melhores condições para você pagar e ter o nome limpo de novo. Após a negociação e o pagamento da primeira parcela, o credor pode notificar os órgão de proteção para retirar o nome, mas se o pagamento não ocorrer nos próximos meses o nome pode retornar para a lista de inadimplentes.

Outra opção é renegociar a dívida através de instituições financeiras especializadas em renegociação. Com elas é possível conseguir bons descontos e condições de pagamento. Por ter mais experiência no mercado e mais credibilidade às negociadoras conseguem os melhores preços e parcelamentos.

Após pagar as dívidas e limpar o seu nome, o momento é de economia. Aprenda a lidar com as contas e os gastos e estabeleça uma relação saudável com o dinheiro, para que dessa forma você tenha uma vida tranquila e sem grandes preocupações com o orçamento.

Você também pode gostar